BLOG DE NOTICIAS DE MANDURI

Notícias e Assuntos de Interesse da Cidade



Araraquara, SP, firma acordo com MP para recuperar represa alvo de sujeira Foi assinado nesta segunda-feira (22), em Araraquara (SP), um acordo entre o Ministério Público, a Prefeitura e o Departamento de Água e Esgoto (Daae) para recuperação da represa do Ribeirão das Cruzes. Os danos ambientais causados na região foram ...
SP: Justiça decide soltar policial que matou ambulante Para a juíza, o soldado tem residência fixa na capital e ocupação e não tem maus antecedentes, podendo responder ao crime em liberdade O soldado da Polícia Militar Henrique Dias Bueno de Araújo, 31 anos, preso em flagrante na noite de quinta-feira ...

Últimas notícias de MANDURI SP:

Sabesp garante abastecimento de água em SP até março de 2015 A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) reafirmou nesta segunda-feira que o abastecimento de água está garantido até março de 2015, com autorização e obras para utilização de uma "segunda cota" da reserva técnica do ...
Haddad promete ciclovias em todos os bairros de SP Após pedalar por cerca de 4,1 quilômetros entre seu apartamento no Paraíso, na zona sul, e o prédio da Prefeitura, no Viaduto do Chá, na região central, o prefeito Fernando Haddad (PT), prometeu ciclovias em todos os 96 distritos da capital.


Grupo ataca delegacia em SP após mortes em baile funk Desde as 7h desta segunda-feira, 22, policiais militares do 28º Batalhão da Polícia Militar (BPM) fazem segurança do 54º Distrito Policial, em Cidade Tiradentes, na zona leste da capital paulista. Por volta das 23h deste domingo, 21, cerca de 70 ...
'SP é uma festa' vai retratar jovens que vivem em 'cidade efervescente' Maria Laura Nogueira, Renata Gaspar e Thiago Pethit nas gravações de 'SP é uma festa' (Foto: Divulgação) "É o retrato de uma geração que vive em uma cidade efervescente", conta a diretora Vera Egito, roteirista de "Serra pelada", ao G1, sobre "SP ...
Reservas ambientais salvam SP de reprovar no mínimo de área verde Pode soar estranho, mas a cidade de São Paulo está acima do mínimo de 12 m 2 de área verde por habitante recomendado pela OMS (Organizaçã o Mundial de Saúde). Dados recentes da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente apontam que a média na capital ...

Tempo e Temperatura: Haddad promete ciclovias em todos os bairros de SP Após pedalar por cerca de 4,1 quilômetros entre seu apartamento no Paraíso, na zona sul, e o prédio da Prefeitura, no Viaduto do Chá, na região central, o prefeito Fernando Haddad (PT), prometeu ciclovias em todos os 96 distritos da capital.
Grupo ataca delegacia em SP após mortes em baile funk Desde as 7h desta segunda-feira, 22, policiais militares do 28º Batalhão da Polícia Militar (BPM) fazem segurança do 54º Distrito Policial, em Cidade Tiradentes, na zona leste da capital paulista. Por volta das 23h deste domingo, 21, cerca de 70 ...
Unidade móvel do Sebrae-SP orienta empreendedores em Valinhos, SP Empresários e empreendedores de Valinhos (SP) poderão buscar orientações na unidade itinerante do Sebrae-SP, que ficará na cidade de 22 a 26 de setembro. O atendimento feito por agentes será das 10h às 16h em dois pontos no Centro, no Paço ...
Nacional-SP vence União Mogi de virada e se classifica para quarta fase Nacional-SP virou para cima do União neste domingo e se classificou (Foto: Cairo Barros) O Nacional-SP deu mais um passo rumo ao acesso à série A3 do Paulista. A equipe da capital venceu o União Mogi de virada por 2 a 1 na manhã deste domingo, no ...
Araraquara, SP, firma acordo com MP para recuperar represa alvo de sujeira Foi assinado nesta segunda-feira (22), em Araraquara (SP), um acordo entre o Ministério Público, a Prefeitura e o Departamento de Água e Esgoto (Daae) para recuperação da represa do Ribeirão das Cruzes. Os danos ambientais causados na região foram ...
SP: Justiça decide soltar policial que matou ambulante Para a juíza, o soldado tem residência fixa na capital e ocupação e não tem maus antecedentes, podendo responder ao crime em liberdade O soldado da Polícia Militar Henrique Dias Bueno de Araújo, 31 anos, preso em flagrante na noite de quinta-feira ...
Sabesp garante abastecimento de água em SP até março de 2015 A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) reafirmou nesta segunda-feira que o abastecimento de água está garantido até março de 2015, com autorização e obras para utilização de uma "segunda cota" da reserva técnica do ...
Haddad promete ciclovias em todos os bairros de SP Após pedalar por cerca de 4,1 quilômetros entre seu apartamento no Paraíso, na zona sul, e o prédio da Prefeitura, no Viaduto do Chá, na região central, o prefeito Fernando Haddad (PT), prometeu ciclovias em todos os 96 distritos da capital.
SP-264 ficará fechada de terça-feira até sábado A rodovia João Leme dos Santos (SP-264) ficará interditada entre a próxima terça-feira (23) e sábado (27), das 7h às 20h, nos dois sentidos, no trecho entre Sorocaba e Salto de Pirapora, do km 109,6 ao km 119,5 para a execução de obras para a ...

MANDURI SP tspan:3m MANDURI SP

Cuidados com as vistas devem começar cedo na infância

Ministério busca fazer triagem de 100% dos alunos matriculados na rede pública de ensino fundamental Foi comemorado, nessa quarta-feira (7), o Dia do Oftalmologista. Por representar a capacidade do indivíduo de perceber o universo que o cerca, a visão corresponde a 80% da relação que o ser humano tem com o mundo. Na idade escolar, a visão é ainda mais relevante e os complicadores de visão nessa fase da vida podem passar despercebidos e repercutir desfavoravelmente no aprendizado, ocasionando repetência e evasão escolar.

Por isso, o Ministério da Saúde - em parceria com o Ministério da Educação - busca fazer a triagem de 100% dos alunos matriculados na rede pública de ensino fundamental (1º ao 9º ano), além dos que integram o Programa Brasil Alfabetizado (PBA). O Programa Saúde nas Escolas (PSE) identifica os alunos que necessitam de uma consulta oftalmológica e os encaminha ao profissional do Sistema Único de Saúde (SUS) que, através do Olhar Brasil, irá prevenir, identificar e corrigir as deficiências que o aluno apresente, inclusive com o fornecimento de óculos.

“As crianças são triadas ainda em ambiente escolar e, assim, busca-se a identificação adiantada de patologias relacionadas à visão. O Projeto Olhar Brasil facilita o acesso dessas crianças ao atendimento e aumenta as chances de resolver os complicadores das doenças dos olhos, principalmente complicadores de refração, que é a dificuldade de enxergar. Desta forma, identificando e corrigindo os complicadores de visão dos escolares, melhoramos não apenas a qualidade de vida, mas igualmente a possibilidade dos alunos aprenderem com saúde”, comenta José Eduardo Fogollin, coordenador-geral da Média e Alta Complexidade do Ministério da Saúde. Ao englobar 732 municípios, o Projeto atinge potencialmente cerca de 4,7 milhões de pessoas, entre crianças, adolescentes e adultos em fase de alfabetização.

Sinais de possíveis complicadores visuais

Segundo o Projeto Olhar Brasil, alguns dos sintomas que podem denunciar alguma deficiência na visão são: aquele apertar dos olhos para enxergar melhor; o lacrimejamento, principalmente ao ver televisão, ler ou fazer algo que requeira esforço visual; ademais de olhos vermelhos, secreção, dores na cabeça, visão embasada, sensibilidade excessiva à luz (fotofobia), inclinação da cabeça ou visão dupla. A necessidade de afastar os objetos do rosto ou querer se aproximar da televisão para ler ou ver melhor igualmente pode indicar algum problema visual.

[18]





EM MANDURI tspan:3m EM MANDURI

O que é mito e o que é verdade sobre as vistas

HÁBITOS E COSTUMES



Ver televisão de perto pode prejudicar a visão? Ver TELEVISÃO de perto pode provocar cansaço ocular por forçar a acomodação e a convergência, mas não traz prejuízo para a visão. O ideal é assistir à televisão a uma distância de 2 metros no mínimo, e sempre com o local iluminado. A radiação emitida pela televisão é mínima não causando danos aos OLHOS. O computador estraga a visão? Não há nenhum estudo científico comprovando que os computadores sejam prejudiciais aos olhos. A quantidade de radiação ultravioleta emitida pelo computador está bem abaixo daquela que provoca catarata e outras doenças oculares, mesmo após um longo período de exposição. Uma variedade de sintomas como DOR DE CABEÇA, ARDOR, LACRIMEJAMENTO, VISÃO EMBAÇADA, podem ocorrer após o uso excessivo do computador. Recomenda-se um descanso de 10 minutos para cada hora de trabalho à frente do computador. É importante uma avaliação oftalmológica para avaliar a necessidade de uso de ÓCULOS e observar a distância correta do monitor e do texto, boa iluminação e postura correta, para minimizar o cansaço provocado pelo uso excessivo do computador. Ler em automóvel pode provocar descolamento de retina? Não, o movimento em qualquer meio de locomoção não causa DESCOLAMENTO DE RETINA. Porém não se recomenda a leitura em movimento, pois o esforço visual será maior, podendo levar a um cansaço visual provocando DOR DE CABEÇA, ARDOR, LACRIMEJAMENTO, DOR OCULAR. Ler no escuro é prejudicial? A iluminação ruim cansa os olhos mais depressa, porém não deixa seqüelas (ver VISÃO).

CRENÇAS POPULARES

Quem força a vista acaba precisando de óculos? O esforço para enxergar é conseqüência, jamais causa, dos chamados DEFEITOS DE REFRAÇÃO, como a MIOPIA. As pessoas, aliás, costumam herdar esses distúrbios que, portanto, nada tem a ver com seus hábitos (ver ÓCULOS). Vista cansada é mais freqüente nas pessoas que lêem muito? Não, a conhecida vista cansada ou PRESBIOPIA aparece em torno dos 40 anos, independente da pessoa ter ou não lido durante a adolescência. Com o passar do tempo o CRISTALINO vai, aos poucos, perdendo o poder de acomodação e ocorre uma dificuldade para perto, sendo então prescritos ÓCULOS. Olhos claros são mais sensíveis à luz? A sensibilidade excessiva à luz tem a ver com pigmentos da RETINA, não da ÍRIS, e com a dilatação da PUPILA, um orifício igual em OLHOS de qualquer cor. Lavar os olhos com água corrente é bom para quem tem olho seco? Não, o OLHO SECO é uma alteração ocular, onde ocorre uma diminuição da produção de LÁGRIMA. Inúmeras são as causas de olho seco, sendo muito freqüente, associado a doenças reumáticas. A idade e alguns medicamentos como os betabloqueadores, antidepressivos, diuréticos, antialérgicos, também podem provocar uma diminuição do filme lacrimal. O tratamento inicial é COLÍRIO lubrificante para evitar lesões na CÓRNEA. Nos casos mais graves pode haver a necessidade da obstrução do ponto lacrimal, que pode ser temporária ou definitiva. Limão clareia os olhos? Não, o limão é totalmente contra indicado para uso ocular, pois pode provocar IRRITAÇÃO NOS OLHOS, podendo ocasionar até ÚLCERAS DE CÓRNEA. Para aliviar os sintomas provocados por irritação, recomenda-se COLÍRIOS anti-sépticos ou soro fisiológico. É verdade que anel quente é bom para curar terçol? Não, esta é uma velha crença popular, só tem valor histórico. Compressas quentes são muito mais eficazes (ver TERÇOL).

TRANSPLANTE

Os olhos podem ser transplantados para outra pessoa? Não, somente a CÓRNEA (ver ESQUEMA) pode ser transplantada de um individuo para outro. Em alguns casos também utilizamos a esclera para a realização de enxertos. O TRANSPLANTE é indicado quando ocorre uma perda da transparência da cornea. Todas as pessoas cegas podem ser beneficiadas pelo transplante de córnea? Infelizmente, não. Apenas as pessoas que perderam a VISÃO por lesão da CÓRNEA podem beneficiar-se do transplante.

SINAIS DE ALERTA

O que são moscas volantes? Quando uma pessoa vê pontos em seus OLHOS, não é, provavelmente, fruto de imaginação. Flutuações no vítreo, também conhecidas como MOSCAS VOLANTES, são percebidas como sendo manchas, nuvens, pontos ou teias de aranha. Na maioria das vezes as flutuações são células que se agrupam e de pouca importância. Elas podem aparecer e desaparecer, não sendo necessário qualquer tipo de tratamento. O paciente aprende a conviver e tolerar as mesmas e quando necessário movimenta os olhos para os lados ou para cima e para baixo, fazendo com que as flutuações saiam do seu CAMPO VISUAL. O VÍTREO é uma substância gelatinosa transparente que preenche o globo ocular, dando forma ao mesmo. Flutuações são pequenas opacificações que se formam no vítreo. Estas flutuações podem ter graus variados conforme sua importância, dependendo da sua causa. Uma flutuação pode ser um pequeno grupo de células, uma parte do vítreo que descolou, células de sangue flutuando no vítreo ou inflamação intraocular. O envelhecimento torna o vítreo mais liquefeito e o aparecimento de moscas volantes são mais freqüentes. Quando essas células passam pelo campo de visão, a luz é bloqueada e uma sombra se projeta na retina, dando a sensação de pontos no campo visual, sendo muito freqüentes nos pacientes míopes (ver MIOPIA). Quando ocorre um DESCOLAMENTO DO VÍTREO o paciente tem a sensação da visão de “teia de aranha” que pode persistir durante meses e anos, não tendo significado clínico. O importante nesses casos é o acompanhamento feito pelo oftalmologista, que poderá realizar uma ULTRA-SONOGRAFIA OCULAR para acompanhar a evolução do descolamento do vítreo. Outra causa de flutuação, esta sim de forma mais grave, é a ruptura que pode ocorrer na RETINA por tração do vítreo, podendo levar a um descolamento da retina, sendo que muitas vezes o paciente tem a sensação de "flash" (ver FOTOPSIA) no campo visual lateral. É muito importante o diagnóstico precoce e o tratamento pode ser realizado através da aplicação de laser ou cirurgia. Aos portadores de moscas volantes recomenda-se uma ida ao oftalmologista anualmente, ou quando surgirem mudanças significativas na quantidade ou tipo de flutuações, pois pode ser um alerta e um diagnóstico realizado precocemente pode evitar uma complicação mais grave. Diabetes pode causar cegueira? A DIABETES pode causar cegueira proveniente de alterações no fundo do OLHO. É muito importante uma avaliação freqüente com exame de FUNDO DE OLHO, que pode detectar alterações e a aplicação de laser, previne complicações futuras como as HEMORRAGIAS, que quando não tratada pode levar a CEGUEIRA. Uma dieta rigorosa e o acompanhamento clínico são essenciais, pois a diabetes não tem cura na maioria dos casos e sim o controle (ver ESQUEMA). Daltonismo tem cura? Não, DALTONISMO é uma doença hereditária, sendo raríssimo nas mulheres. Ela é incapacitante somente para as pessoas que, nas suas profissões, necessitam diferenciar as cores. Nas crianças é importante orientar aos professores que a criança tem dificuldade na identificação de determinadas cores (ver VISÃO CROMÁTICA), podendo as mesmas serem substituídas por símbolos, quando houver necessidade de colorir, por exemplo, mapas geográficos. O daltonismo ou discromatopsia pode ser completo ou relativo, neste caso a pessoa terá dificuldade em identificar certas cores, sendo as mais freqüentes com as cores verdes e vermelhas (ver ESQUEMA). O glaucoma é contagioso? Não, GLAUCOMA é o aumento da pressão intraocular e, quando não tratado, provoca danos irreversíveis ao NERVO ÓPTICO. Por sua vez, a lesão do nervo óptico provoca o estreitamento concêntrico do CAMPO VISUAL, o passo seguinte é a CEGUEIRA. Não é contagioso, porém tem um fator hereditário muito importante. O perigo do glaucoma é que, raramente, apresenta sintomas, exceto nos chamados glaucomas agudos que são raros. Recomenda-se que a partir dos 40 anos, a pessoa faça uma consulta anual ao oftalmologista para medir a pressão intraocular (ver ESQUEMA). Catarata é uma membrana que cobre os olhos? Não, esta membrana é chamada de PTERÍGIO, que vem a ser a formação de um tecido conjuntivo que quando provoca IRRITAÇÃO, por razões estéticas ou se desenvolve muito, atingindo a região central da CÓRNEA, deve ser removido cirurgicamente.

CORREÇÃO DA MIOPIA

A cirurgia de miopia elimina sempre o uso de óculos? Orientamos sempre aos pacientes que a cirurgia da MIOPIA está indicada para a redução do grau, eliminando a dependência dos ÓCULOS e/ou LENTE DE CONTATO. Independente do grau nunca pode garantir zerar, não devemos criar a chamada “falsa expectativa”, sendo importante fazer um estudo psicológico do paciente. O uso de lente de contato faz estabilizar o grau da miopia? Não, o uso da LENTE DE CONTATO não interfere na evolução do grau de MIOPIA. A miopia em média se estabiliza aos 18 anos e a lente de contato não interfere nesta estabilização.

USO DE ÓCULOS

O uso dos óculos faz diminuir o grau? Os ÓCULOS corrigem a qualidade da visão, mas não interferem na evolução do grau. Nas crianças que necessitam de óculos, é importante o uso dos mesmos, pois, em fase de desenvolvimento, a falta de óculos pode provocar sintomas como DOR DE CABEÇA, ARDOR, LACRIMEJAMENTO, falta de concentração e o pior, pode levar a AMBLIOPIA, ou seja, o não desenvolvimento total da visão. Óculos prontos, para perto, comprados em camelôs ou na farmácia, têm contra indicação? Sim, os ÓCULOS prontos só estão indicados nos casos de emergência, enquanto se aguarda o EXAME com o oftalmologista. É necessário que os óculos sejam confeccionados sob medida, pois cada pessoa tem uma distância entre os olhos que varia de acordo com o tamanho do seu rosto. Esta distância tem que ser igual ao centro óptico das LENTES. Os óculos comprados prontos dificilmente apresentam o centro óptico adequado para os olhos de quem os usa. Com esses óculos a pessoa consegue enxergar, mas depois de algum tempo começa a aparecer desconforto visual, DOR DE CABEÇA, ARDOR ou LACRIMEJAMENTO. Outro inconveniente é que inúmeras vezes as pessoas têm graus diferentes nos dois OLHOS e, com certeza, usando esses óculos irão forçar mais um dos olhos, ocasionando assim problemas visuais. Quando, além da VISTA CANSADA, a pessoa apresenta também ASTIGMATISMO, usando esses óculos a correção será parcial, já que eles não corrigem o astigmatismo, trazendo prejuízo para a visão do paciente. Nos U.S.A esses óculos são vendidos geralmente em farmácias, e a venda é liberada porque lá a mentalidade é outra. As pessoas têm consciência de que tais óculos são apenas provisórios, enquanto aguardam que os óculos prescritos pelo oftalmologista sejam confeccionados. É importante salientar que preservar a VISÃO é um dos grandes bens que o ser humano pode oferecer a si próprio. Portanto, na consulta para a prescrição de óculos, se pode detectar doenças em seus estágios iniciais como DIABETES, hipertensão arterial, GLAUCOMA, que muitas vezes, levam a CEGUEIRA se não tratados à tempo. Óculos escuros protegem os olhos? Sim, porém é importante que as LENTES sejam de boa qualidade para filtrar os raios ultravioletas e infravermelhos. Lentes que só escurecem e não possuem filtros, são muito prejudiciais, pois as PUPILAS se dilatam e a quantidade de raios que penetram no é muito maior, podendo provocar doenças como a CATARATA.

USO DE MEDICAMENTOS

Como se usa corretamente colírio nos olhos? Incline a cabeça para trás e olhe para cima reclinado em uma cadeira. A PÁLPEBRA inferior deve ser puxada para baixo para formar uma bolsa na qual o COLÍRIO é instilado. Após a aplicação do colírio, as pálpebras devem ser suavemente fechadas durante cerca de 2 minutos para dar tempo para que a medicação seja absorvida pelo OLHO. Neste momento evite piscar para não lançar a gota para fora do olho. Bloqueie os ductos lacrimais com o dedo indicador durante 2 minutos, evitando dessa forma o fluxo do colírio e das lágrimas para dentro do nariz. Isto é importante, pois o colírio pode ser absorvido pela parte interna do nariz e cair na corrente sanguínea, podendo alcançar o coração, pulmões e cérebro. Quando são receitados 2 colírios diferentes, qual é o intervalo entre eles? O intervalo deve ser de, aproximadamente, 5 minutos. A forma correta é puxar a pálpebra inferior para formar uma bolsa e instilar uma gota que é o suficiente. Colocar mais de uma gota de uma só vez causa um transbordamento e a outra gota será eliminada. Como se usa corretamente pomada nos olhos? Ao usar a pomada puxe a PÁLPEBRA inferior para baixo ou aplique uma pequena quantidade na ponta do dedo indicador, fechando os OLHOS e espalhando suavemente sobre as palpebras. Após a aplicação da pomada, as pálpebras devem ser suavemente fechadas durante cerca de 2 minutos para dar tempo para que a medicação seja absorvida pelo olho. Neste momento evite piscar para não lançar a pomada para fora do olho. Que cuidados devem ser tomados com as medicações? Evite que o frasco entre em contato com o OLHOS. Mantenha o frasco sempre tampado. Verifique o prazo de validade . Alguns colírios e pomadas necessitam ser guardados na geladeira. Não utilize COLÍRIOS e POMADAS que já foram utilizados.[19]

INSS é responsável por descontos errados de empréstimo para aposentados

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode ser obrigado a devolver valores indevidamente descontados da renda mensal de aposentadoria ou pensão por morte para pagamento de mensalidades de empréstimo bancário em consignação. A decisão foi da Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU), que pacificou o entendimento sobre a matéria, na sessão de julgamentos desta quarta-feira (6).

No caso julgado pela Turma Nacional, o INSS apresentou recurso contra as decisões de primeira e segunda instância dos Juizados Especiais Federais, que haviam concedido a uma segurada de Pernambuco o pagamento em dobro dos valores descontados de seu benefício, bem como pagamento de indenização por danos morais.

A autarquia utilizou como fundamento um acórdão da Turma Recursal de Goiás, que considerou não existir legitimidade passiva do INSS para a ação judicial na qual se pretende restituição de valores descontados de benefício previdenciário para repasse ao banco responsável pelo empréstimo consignado. Para o Instituto, na ocorrência de fraude, a responsabilidade seria apenas da instituição financeira.

Autorização

No entanto, a Lei 10.820, de 2003, prevê a possibilidade de a autorização para consignação do empréstimo ser colhida tanto pelo INSS quanto pela instituição financeira. A relatora do processo na TNU, juíza federal Marisa Cláudia Gonçalves Cucio, sustenta ainda, em seu voto, que a despeito de o contrato ter sido ajustado entre beneficiário e banco, a autorização de desconto emitida pelo segurado titular do benefício dever ser obtida pelo próprio INSS.

O banco somente pode colher diretamente autorização de consignação do beneficiário se for o responsável, ao mesmo tempo, pela concessão do empréstimo e pelo pagamento do benefício ao segurado. Nessa situação, o INSS repassa o valor integral da aposentadoria ou pensão à instituição financeira credora, que se encarrega de efetuar o desconto na renda mensal. “Em contrapartida, quando o INSS se incumbe de fazer a consignação, precisa ele próprio exigir do beneficiário a manifestação de autorização”, ponderou a magistrada.

Segundo ela, a controvérsia sobre a questão se aprofundou com a edição de atos normativos pelo próprio Instituto, os quais não previam a necessidade do beneficiário apresentar autorização de consignação, porque bastaria o banco conveniado encaminhar à Dataprev arquivo magnético com os dados do contrato de empréstimo.

“O INSS não pode, com base em ato normativo infralegal editado por ele próprio, eximir-se da responsabilidade, imposta por norma legal hierarquicamente superior, de verificar se o aposentado ou pensionista manifestou a vontade de oferecer parcela dos proventos como garantia da operação financeira de crédito. (...) Ao confiar nos dados unilateralmente repassados à Dataprev pela instituição financeira, o INSS assume o risco de efetuar descontos indevidos na renda mensal de benefícios previdenciários”, salientou a juíza federal. [17]


INSS é responsável por descontos errados de empréstimo para aposentados

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode ser obrigado a devolver valores indevidamente descontados da renda mensal de aposentadoria ou pensão por morte para pagamento de mensalidades de empréstimo bancário em consignação. A decisão foi da Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU), que pacificou o entendimento sobre a matéria, na sessão de julgamentos desta quarta-feira (6).

No caso julgado pela Turma Nacional, o INSS apresentou recurso contra as decisões de primeira e segunda instância dos Juizados Especiais Federais, que haviam concedido a uma segurada de Pernambuco o pagamento em dobro dos valores descontados de seu benefício, bem como pagamento de indenização por danos morais.

A autarquia utilizou como fundamento um acórdão da Turma Recursal de Goiás, que considerou não existir legitimidade passiva do INSS para a ação judicial na qual se pretende restituição de valores descontados de benefício previdenciário para repasse ao banco responsável pelo empréstimo consignado. Para o Instituto, na ocorrência de fraude, a responsabilidade seria apenas da instituição financeira.

Autorização

No entanto, a Lei 10.820, de 2003, prevê a possibilidade de a autorização para consignação do empréstimo ser colhida tanto pelo INSS quanto pela instituição financeira. A relatora do processo na TNU, juíza federal Marisa Cláudia Gonçalves Cucio, sustenta ainda, em seu voto, que a despeito de o contrato ter sido ajustado entre beneficiário e banco, a autorização de desconto emitida pelo segurado titular do benefício dever ser obtida pelo próprio INSS.

O banco somente pode colher diretamente autorização de consignação do beneficiário se for o responsável, ao mesmo tempo, pela concessão do empréstimo e pelo pagamento do benefício ao segurado. Nessa situação, o INSS repassa o valor integral da aposentadoria ou pensão à instituição financeira credora, que se encarrega de efetuar o desconto na renda mensal. “Em contrapartida, quando o INSS se incumbe de fazer a consignação, precisa ele próprio exigir do beneficiário a manifestação de autorização”, ponderou a magistrada.

Segundo ela, a controvérsia sobre a questão se aprofundou com a edição de atos normativos pelo próprio Instituto, os quais não previam a necessidade do beneficiário apresentar autorização de consignação, porque bastaria o banco conveniado encaminhar à Dataprev arquivo magnético com os dados do contrato de empréstimo.

“O INSS não pode, com base em ato normativo infralegal editado por ele próprio, eximir-se da responsabilidade, imposta por norma legal hierarquicamente superior, de verificar se o aposentado ou pensionista manifestou a vontade de oferecer parcela dos proventos como garantia da operação financeira de crédito. (...) Ao confiar nos dados unilateralmente repassados à Dataprev pela instituição financeira, o INSS assume o risco de efetuar descontos indevidos na renda mensal de benefícios previdenciários”, salientou a juíza federal. [17]


INSS é responsável por descontos errados de empréstimo para aposentados

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode ser obrigado a devolver valores indevidamente descontados da renda mensal de aposentadoria ou pensão por morte para pagamento de mensalidades de empréstimo bancário em consignação. A decisão foi da Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU), que pacificou o entendimento sobre a matéria, na sessão de julgamentos desta quarta-feira (6).

No caso julgado pela Turma Nacional, o INSS apresentou recurso contra as decisões de primeira e segunda instância dos Juizados Especiais Federais, que haviam concedido a uma segurada de Pernambuco o pagamento em dobro dos valores descontados de seu benefício, bem como pagamento de indenização por danos morais.

A autarquia utilizou como fundamento um acórdão da Turma Recursal de Goiás, que considerou não existir legitimidade passiva do INSS para a ação judicial na qual se pretende restituição de valores descontados de benefício previdenciário para repasse ao banco responsável pelo empréstimo consignado. Para o Instituto, na ocorrência de fraude, a responsabilidade seria apenas da instituição financeira.

Autorização

No entanto, a Lei 10.820, de 2003, prevê a possibilidade de a autorização para consignação do empréstimo ser colhida tanto pelo INSS quanto pela instituição financeira. A relatora do processo na TNU, juíza federal Marisa Cláudia Gonçalves Cucio, sustenta ainda, em seu voto, que a despeito de o contrato ter sido ajustado entre beneficiário e banco, a autorização de desconto emitida pelo segurado titular do benefício dever ser obtida pelo próprio INSS.

O banco somente pode colher diretamente autorização de consignação do beneficiário se for o responsável, ao mesmo tempo, pela concessão do empréstimo e pelo pagamento do benefício ao segurado. Nessa situação, o INSS repassa o valor integral da aposentadoria ou pensão à instituição financeira credora, que se encarrega de efetuar o desconto na renda mensal. “Em contrapartida, quando o INSS se incumbe de fazer a consignação, precisa ele próprio exigir do beneficiário a manifestação de autorização”, ponderou a magistrada.

Segundo ela, a controvérsia sobre a questão se aprofundou com a edição de atos normativos pelo próprio Instituto, os quais não previam a necessidade do beneficiário apresentar autorização de consignação, porque bastaria o banco conveniado encaminhar à Dataprev arquivo magnético com os dados do contrato de empréstimo.

“O INSS não pode, com base em ato normativo infralegal editado por ele próprio, eximir-se da responsabilidade, imposta por norma legal hierarquicamente superior, de verificar se o aposentado ou pensionista manifestou a vontade de oferecer parcela dos proventos como garantia da operação financeira de crédito. (...) Ao confiar nos dados unilateralmente repassados à Dataprev pela instituição financeira, o INSS assume o risco de efetuar descontos indevidos na renda mensal de benefícios previdenciários”, salientou a juíza federal. [17]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados.